Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Como vender mais na Black Friday: confira o planejamento ideal!

Publicado por Equipe Cielo

Siga o cronograma de ações de manutenção e estratégia e venda mais na Black Friday do dia 29 de novembro.

 

Como vender mais na Black Friday?
Como vender mais na Black Friday?

Na edição de 2017 da Black Friday, o varejo brasileiro movimentou aproximadamente R$ 2,1 bilhões, segundo dados da E-bit. Aproximadamente 99% da população conectada à internet conhece a data de promoções, sendo ue 69% já compraram produtos na data.
Com isso em mente, criamos um checklist de ações que vai preparar seu negócio para o alto fluxo de consumidores e garantir mais vendas no dia 29 de novembro. Em ordem regressiva, listamos as atividades que merecem sua atenção.Confira as dicas de planejamento e saiba como vender mais na Black Friday.
 
 
 
 

15 DIAS ANTES – Seu cliente já está de olho nas promoções da Black Friday

 
Pense em promoções olhando para o estoque.
A Black Friday nasceu nos Estados Unidos como uma forma de liquidar o estoque de produtos a fim de abrir espaço para o armazenamento de objetos a serem comercializados no Natal. Use essa mesma tática para fazer descontos de produtos que estão parados no depósito. Converse com os fornecedores e negocie descontos nos produtos comprados em grande quantidade. Isso pode alavancar uma promoção de destaque na sua vitrine ou banner inicial do site.
Atenção especial para a logística atender a alta demanda da data
Garanta que o cliente possa simular o frete e ver o prazo de entrega. Essas informações são essenciais para passar confiança e transparência ao usuário e pode ajudar a alavancar as vendas na Black Friday. Lembre-se também de evidenciar as políticas de devolução de produtos e informações como garantia e assistência técnica.
Esteja presente no mobile
Se você tem um e-commerce, certifique-se que sua plataforma é responsiva. Isso significa que sua loja virtual deve apresenta uma boa visualização no formato em computadores e também em telas menores, como tablets e celulares. Segundo pesquisas, espera-se que 40% dos consumidores façam compras durante a Black Friday via smartphones. Garanta que o seu negócio esteja pronto para essa demanda e venda mais.
Plataforma atualizada
Será que o servidor que hospeda sua loja virtual está preparado para o alto fluxo de acessos na Black Friday? Inclua na lista de tarefas da sua equipe de informática e T.I. testes que comprovem a eficácia e a estabilidade do seu e-commerce.
Olho no velocímetro
Apesar de reforçar a estabilidade e a segurança do seu site de vendas, é preciso estar atento a quanto esses plugins e soluções comprometem a velocidade de carregamento das páginas. Não adianta o site estar blindado mas ser pesado de carregar. Uma página de e-commerce que leva mais de 20 segundos para ser carregada em um dispositivo móvel representa 62% menos chances de conversão em vendas, ou seja, a performance da plataforma é determinante para vender mais na Black Friday segundo pesquisas do Google.
Reavalie preços e condições de pagamento
Se você precisa reajustar preços antes de criar as promoções para a data, a hora é agora. Uma pesquisa da Provokers revelou que 38% dos clientes não confiaram nas ofertas na edição anterior da Black Friday. Ainda segundo a pesquisa, 99,5% dos consumidores têm conhecimento da Black Friday, então, começam a acompanhar os preços dos produtos de interesse com certa antecedência. Avalie a inclusão de outras formas de pagamento além daquelas que já oferece na loja: máquina com maior número de bandeiras compatíveis, Cielo Super Link, boleto, QR Code, por exemplo.
Poupe tempo para o seu cliente
Segundo pesquisas do Google Insights, 43% dos consumidores de e-commerce esperam que seu carrinho tenha ficado a salvo ao abandonar um site antes de concluir uma compra. Que tal oferecer um cadastro prévio, guardando informações de pagamento e dados para entrega, para que ele ganhe tempo na hora de fechar a compra na Black Friday? Segundo levantamento feito pelo Google, 61% dos consumidores já esperam por essa conveniência.
 
 

7 DIAS ANTES – Últimos preparativos

 
Crie boas expectativas
Notifique seus clientes sobre alguns dos produtos que estarão com desconto na sua loja ou e-commerce. Isso pode atrair uma atenção maior do seu cliente. Você pode encaminhar um e-mail marketing ou divulgar nas redes sociais da sua marca essas promoções.  O mesmo vale para lojas físicas. Ter um cadastro atualizado do seu cliente pode ser essencial para notificá-lo em datas como a Black Friday.
Informações organizadas
Os clientes se planejam na hora de comprar, fazem pesquisas prévias e comparativos entre produtos e comodidades oferecidas por cada lojista. Confira se as descrições dos produtos que você comercializa estão boas e se resolvem as dúvidas do cliente. Mais de 80% dos consumidores que compram pelo smartphone estão mais dispostos a comprar um produto de uma companhia que oferece um site ou aplicativo com informações claras e fáceis de serem encontradas.
Alerte sobre cadastro prévio
E-mails com a proposta de “cadastre-se e veja os descontos primeiro” podem funcionar como um bom alerta para os consumidores que já estão monitorando os preços. Isso faz com que ele se interesse por esse privilégio e vá atualizar o cadastro com antecedência para ganhar tempo na hora fechar a compra na Black Friday.
Esquenta de promoções
Produtos que estão com maior disponibilidade no estoque ou que costumam ter maior busca na Black Friday podem ser ofertados antes da sexta-feira, para já começar a gerar tráfego ao seu site e loja. Os clientes vão incluir sua marca no radar deles para checarem na “grande noite”.
 

NO DIA – A prova de fogo

 
Plantão de atendimento
Avalie se a sua equipe operacional comporta o fluxo de clientes que entra e sai da sua loja. Lembre-se que, por mais que os clientes saibam que esse dia tem um movimento anormal, se sua loja estiver cheia demais ou com filas intermináveis, o cliente desiste da compra e vai até o concorrente. Na Black Friday, cada venda perdida pode ser um cliente que não voltará à sua loja em outra data.
Produtos que combinam
Se o seu cliente compra um celular, ele pode se interessar por um fone de ouvido melhor ou acessórios como capinha, película e seguro, por exemplo. Mantenha esses produtos relacionados próximos dos olhos do consumidor e trabalhe com preços competitivos, para que ele aumente o tíquete médio da compra, tendo em vista que resolve toda a compra em um lugar só. Essa comodidade aproxima o cliente do seu negócio.
 

PÓS-BLACK FRIDAY

 
Ajude seu cliente
Algumas pessoas podem ter dúvidas ao receber o produto. Tenha uma equipe preparada para tirar dúvidas e, em casos específicos, tenha em mãos dados de contato do suporte técnico das empresas responsáveis pelo produto e tutoriais de ajuda.
Fidelização na mira
Lembre-se de manter essa relação criada com o consumidor durante as vendas de Black Friday. Agora, é preciso estudar seu cliente e oferecer novos produtos e ofertas para que ele volte a comprar na sua loja.
Veja quais os erros você não pode cometer na Black Friday
 
 

Matérias mais recentes

Ver mais matérias

Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288