Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Como vender em marketplaces e aumentar seus lucros? Destaque-se!

Quer saber como vender em marketplaces e aumentar o seu faturamento? Então, este texto é para você! Conheça os principais marketplaces, saiba como escolher, ideias de produtos e 7 dicas para começar a vender.
Publicado por Equipe Cielo

Mulher sorridente embala objeto que foi vendido por meio de marketplace para ser enviado ao cliente.

Saber como vender no marketplace pode fazer a diferença e dar destaque para quem atua nesse modelo de negócios.

Afinal, essas plataformas têm algumas particularidades e, por isso, é preciso ter atenção a alguns detalhes para superar a concorrência.

Você vai conferir neste artigo algumas dicas que poderão ajudar a atrair mais clientes e a melhorar os resultados do seu negócio.

Vamos mostrar como funciona esse formato, apresentar as principais plataformas do Brasil e mostrar sete dicas de como vender no marketplace.

Como vender no marketplace com sucesso?

Saber como vender no marketplace pode ser um pouco diferente em relação a canais de venda mais tradicionais.

Por exemplo: se você possui um negócio com loja física, ou mesmo um site próprio, o sucesso passa por uma boa publicidade, certo?

Já no marketplace, seus produtos terão uma boa exposição, mas dividindo espaço com uma concorrência acirrada.

Antes de conferir nossas dicas, o ideal é entender bem o funcionamento desse modelo de negócios.

Entenda como funciona um marketplace

O marketplace é uma plataforma de vendas que conta com anúncios de produtos oferecidos por comerciantes independentes.

Geralmente, não há custos para anunciar nessas plataformas, embora algumas ofereçam planos pagos para dar mais destaque aos itens oferecidos.

O lucro dessas empresas vem de uma comissão cobrada sobre o valor de cada venda, que costuma ficar na faixa de 10% a 20%.

Por isso, é uma boa alternativa para empreendedores iniciantes.

Assim que a venda é fechada, o anunciante fica responsável pelo envio do produto.

Quais são os principais marketplaces no Brasil?

Os principais marketplaces em atividade no Brasil são os seguintes:

  • Amazon Brasil: versão nacional de um dos maiores marketplaces do mundo, muito acessado para vender produtos como livros, eletrodomésticos, eletrônicos, ferramentas, artigos esportivos e de moda e beleza;
  • Magazine Luiza: marketplace da tradicional rede de varejo, muito usada para venda de equipamentos eletrônicos e eletrodomésticos;
  • Mercado Livre: uma das principais plataformas da América Latina, conta com uma lista ampla de categorias;
  • OLX: muito utilizada por pessoas físicas, essa plataforma é mais voltada para a venda de itens usados;
  • Shopee: marketplace asiático que começou a operar o Brasil em 2019 e cresceu muito no país desde então;
  • Via Varejo: com um único anúncio, permite aparecer nos sites de três redes de varejo: Extra, Ponto Frio e Casas Bahia.

Conhecendo bem essas plataformas e observando seus anúncios, fica mais fácil entender como vender no marketplace.

Como escolher um marketplace?

A escolha do marketplace mais adequado para as características do seu negócio depende do nicho que você escolher.

Os exemplos que demos acima são de grandes plataformas, em que artigos das mais diversas categorias são oferecidos.

Existem também alguns marketplaces de nicho, que focam em tipos de produtos específicos.

Vamos ver alguns exemplos desse tipo:

Por isso, para saber como vender no marketplace, é preciso ter em mente o que e onde você vai vender.

Por outro lado, se você vai vender artigos eletrônicos ou outros produtos com grande apelo, pode ser mais adequado anunciar em um dos principais marketplaces nacionais que mostramos no tópico anterior.

Uma dica para ajudar nessa escolha é a realização de uma pesquisa de perfil do consumidor.

O que vender no marketplace?

A escolha dos artigos a serem vendidos é uma decisão fundamental em qualquer atividade comercial e não é diferente para quem está tentando descobrir como vender no marketplace.

Basicamente, os dois principais caminhos são: focar em produtos com muitas vendas ou optar por um nicho mais específico.

Dependendo da categoria que você escolher, há uma série de alternativas com um bom potencial.

Veja algumas dicas:

  • Tecnologia: televisões, computadores, fones de ouvido, caixas de som, smartphones e acessórios como capinhas, tripés e ring lights (luzes usadas para gravação no celular);
  • Produtos para escritório: mesas e cadeiras para home office;
  • Utensílios domésticos: potes, porta-temperos e itens de cozinha;
  • Acessórios fitness: equipamentos para ginástica e tapetes para yoga (mats), além de roupas e acessórios.

7 dicas de como vender no marketplace

Agora que você tem uma boa noção do que é esse modelo de negócios, é hora de entender como vender no marketplace.

Para isso, confira nossas dicas.

1. Escolha o marketplace certo

Você já sabe que o marketplace mais adequado depende do seu nicho e do seu público-alvo.

Além disso, é preciso levar em conta alguns fatores como:

  • Regulamento e condições de uso da plataforma;
  • Percentual da comissão;
  • Serviços adicionais, como plataformas de anúncios;
  • Suporte técnico;
  • Tráfego;
  • Reputação da empresa.

Esses itens podem ser determinantes para que você consiga alcançar um bom número de pessoas e ter bons ganhos.

2. Otimize os títulos de seus produtos

A otimização dos títulos dos seus produtos é importante para que todos os clientes que fizerem uma busca na plataforma encontrem com facilidade a sua mercadoria.

Por isso, é importante que ele contenha as seguintes informações:

  • Produto;
  • Marca;
  • Modelo, série, referência e coleção;
  • Uma ou duas características únicas.

Também é importante evitar:

  • Expressões como “promoção” ou “aproveite”;
  • Caracteres e códigos especiais como @, #, $, %;
  • Palavras inteiras em letra maiúscula.

3. Dê atenção especial ao descritivo dos produtos

A descrição de um produto precisa ter todas as informações que você puder dar sobre o item.

Afinal, se o cliente estiver em dúvida sobre algum detalhe, não vai querer comprar.

Além disso, ao apresentar todos os detalhes, você mostra sua autoridade como alguém que conhece bem o que está vendendo.

Por isso, sempre inclua nos descritivos:

  • Características do produto;
  • Dores que ele pode solucionar;
  • Garantia e prazos de validade;
  • Todos os itens incluídos na embalagem;
  • Local de fabricação.

Assim, você facilita o processo de decisão do consumidor.

4. Invista em boas fotos

As fotos de produtos ajudam o cliente a conferir o produto à venda e também podem despertar seu desejo pelo item a partir da inteligência emocional.

Por isso, é preciso ter bastante atenção na hora de tirar fotos de roupas, artigos eletrônicos ou qualquer outro item.

Você pode usar uma câmera profissional ou um bom celular, sempre seguindo essas dicas:

  • Use um tripé ou qualquer superfície para evitar que a foto saia tremida;
  • Use fundos brancos ou claros;
  • Coloque duas fontes de luz para evitar sombras.

5. Trabalhe com kits para ampliar o ticket médio

Uma boa ideia de promoção para atrair clientes é criar kits ou combos de produtos por um valor inferior em relação ao da soma dos itens avulsos.

Procure uma combinação que faça sentido para seu público.

Desta forma, o consumidor pode ser atraído pela economia e você aumenta seu ticket médio, um indicador de vendas que mostra quanto cada cliente rende ao seu negócio.

6. Acompanhe todas as fases da venda e melhore os processos

Quem é expert em vendas dá atenção a todas as oportunidades de melhorar a experiência do cliente.

Por isso, é importante responder a todas as perguntas que os clientes fazem sobre o produto, com rapidez e simpatia.

Depois de vender e enviar o pacote, mande o código de rastreio para cada cliente e acompanhe todas as etapas seguintes.

Estar sempre disponível é importante para conquistar a confiança das pessoas e abrir caminho para novas vendas.

7. Cuide da sua reputação

Em um marketplace, a reputação do comerciante é definida pelas avaliações dos consumidores.

Se alguém ficar descontente e baixar sua reputação, você pode perder muitas vendas no futuro.

Por isso, faça tudo o que puder para evitar qualquer tipo de problema em suas vendas e dar atenção a todas as necessidades de cada cliente.

Explore as datas comerciais e amplie suas vendas

Neste artigo, mostramos como vender no marketplace com algumas dicas que podem ajudar a alavancar suas vendas.

As melhores oportunidades de alavancar vendas pela internet são as datas comerciais, como, por exemplo, o Dia das Mães, o Dia dos Namorados, a Black Friday e o Natal.

Nesses períodos, muitas pessoas acessam os marketplaces procurando opções de presentes.

Por isso, é importante se preparar para atender à demanda e até a vender em outros canais, além da plataforma de marketplace.

Com links de pagamentos, por exemplo, você pode fazer vendas online mesmo sem ter uma loja virtual e utilizar as redes sociais, o e-mail ou até aplicativos de mensagens para comercializar seus produtos.

Por falar em app de mensagens, também é possível fazer vendas no WhatsApp. Você faz um cadastro e começa a vender diretamente no aplicativo mais usado no Brasil. Veja como funciona:

Gostou da ideia? Então, conte com a Cielo para aumentar suas vendas!

Clique e receba uma proposta personalizada!


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288