Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

O que vender em condomínio para ganhar dinheiro? Veja algumas opções!

Entender o que vender em condomínio pode ser uma ótima maneira de incrementar sua renda. Neste texto, você vai ver algumas ideias que podem ajudar nesta atividade!
Publicado por Equipe Cielo

Pequeno empreendedor que presta serviços de manutenção cumprimenta mulher que mora no mesmo condomínio.

Se você estiver pensando sobre o que vender em condomínio, saiba que as possibilidades são muitas!

Investir na vizinhança pode ser uma ótima alternativa para abrir seu negócio com pouco dinheiro.

Para isso, é preciso se planejar bem para fazer a melhor escolha e conquistar seus primeiros clientes.

Veja neste texto os primeiros passos para isso e confira nossas dicas para decidir o que vender em condomínio.

O que vender em condomínio para ganhar dinheiro: primeiros passos

Antes de definir o que vender em condomínio, é preciso elaborar um planejamento para seu empreendimento.

Seja para garantir seu sustento ou complementar sua renda, qualquer tipo de empreendimento exige um bom plano de negócio, mesmo que seu investimento inicial não seja tão alto.

O primeiro passo para isso é conferir quais são as regras do seu condomínio em relação ao comércio.

Você pode consultar o documento com o regulamento ou entrar em contato com a administradora.

Em último caso, compareça a uma reunião de condomínio para questionar sobre isso.

Depois disso, você ainda vai precisar dar alguns passos antes de escolher o que vender em condomínio.

Estude bem as necessidades do seu público-alvo

Tenha em mente que seus vizinhos poderão ter alguma necessidade que você também tenha.

Por exemplo: se não há um mercado próximo, você pode suprir essa necessidade.

E o mesmo vale para creches, serviços de informática e por aí vai.

Por isso, é preciso identificar o que você pode fazer pelo público, seja vendendo algum produto ou serviço.

Conheça o perfil de consumo dos moradores do condomínio

Outro fator importante para se levar em conta na decisão sobre o que vender em condomínio é o perfil dos consumidores – no caso, as pessoas que moram no local.

Afinal, ainda que você pense em uma necessidade sua, nem todos têm a mesma dor.

Esse perfil pode variar bastante, mesmo considerando as características do condomínio.

Por isso, procure conhecer seus vizinhos para ter uma amostragem desses perfis.

Faça um bom planejamento para definir o seu preço

Depois que você analisou tudo isso e já tem uma ideia sobre o que vender em condomínio, é hora de precificar.

Dê uma pesquisada por outros empreendimentos que vendem o mesmo tipo de produto ou serviço e verifique o quanto eles cobram.

Porém, não se esqueça de garantir uma margem de lucro que faça valer a pena o investimento.

E lembre-se: além do produto ou serviço, você também vende aos moradores a comodidade de não precisar sair do condomínio para comprar o que precisa.

Afinal, isso também agrega muito valor.

O que vender em condomínio residencial? Vamos empreender!

Agora que você já conhece os primeiros passos para começar seu empreendimento, é hora de decidir que vender em condomínio.

Confira abaixo nossas dicas.

Serviços de limpeza e manutenção

Manter a casa em ordem é sempre um desafio e você pode aproveitar para investir em serviços de faxina e limpeza.

Você também pode ser o chamado “faz tudo”, realizando pequenos serviços como instalar chuveiros e suportes para televisão.

Tenha sempre bons produtos e ferramentas para facilitar seu trabalho.

Personal training

Se você tiver formação superior em Educação Física e seu condomínio conta com academia de musculação, pronto: você já tem um espaço de trabalho!

Mostre para cada condômino que você pode atuar como personal trainer e criar um plano individual de treino para que essas pessoas possam malhar sem precisar sair do local.

Aulas particulares

Em condomínios com muitas crianças e adolescentes, muitas delas podem ter dificuldade na escola e procurar aulas de apoio.

Por isso, se você tiver conhecimentos em alguma área, é uma oportunidade para oferecer aulas individuais.

Você pode montar um espaço para isso na sua própria casa ou se oferecer para visitar os alunos.

Serviços de beleza

Serviços de estética e beleza, como maquiagem, limpeza de pele, tratamento de cabelos e unhas, entre outros, são bastante procurados.

Muitas pessoas gostariam de poder fazer tudo isso sem sair do condomínio, para poupar tempo.

Basta reservar um pequeno espaço em casa e contar com os equipamentos certos para aproveitar essa demanda.

Bebidas e refrigerantes

Há muitos serviços de delivery de bebidas fazendo sucesso.

E você pode entregar ainda mais conveniência e agilidade aos seus vizinhos fazendo isso dentro do próprio condomínio.

Encontre um bom fornecedor, compre uma quantidade de bebidas suficiente para suprir a demanda e divulgue seu delivery.

Itens de higiene pessoal

Este também é um exemplo de como entregar conveniência como valor agregado.

Quando falta sabonete, papel higiênico ou absorvente, entre outros itens, o transtorno é grande.

Por isso, vale a pena aproveitar e ficar de prontidão para resolver problemas assim.

Guloseimas e snacks

Às vezes bate aquela vontade de comer algo diferente, mas só de pensar em sair de casa para comprar, a preguiça “toma conta”.

Se você se preparar com um bom estoque de doces, salgadinhos e outras guloseimas, seus vizinhos não vão resistir.

Faça uma boa divulgação para deixar todos na tentação.

Corte e costura

Com uma máquina de costura e materiais simples, como tesouras, réguas e fitas métricas, você pode criar seu ateliê.

Muita gente procura por este serviço, seja para fazer o conserto de roupas rasgadas, ajustes, aplicar patches ou até criar peças sob medida.

Conseguir isso sem precisar sair do condomínio com certeza é algo que muitas pessoas gostariam.

Serviços tecnológicos

Se você tem facilidade para lidar com computadores e celulares, pode aproveitar para ajudar seus vizinhos.

Muitos deles precisam de serviços simples, como formatação e backup de arquivos.

Em alguns casos, pode ser preciso apenas uma assistência para mostrar como usar uma ferramenta ou um equipamento.

Roupas e lingerie

Encontrando bons fornecedores, você pode revender roupas no seu condomínio a um preço justo.

Crie seu estoque comprando online ou encontrando um bom atacado na sua região.

Conhecendo bem o perfil de moradores, fica fácil saber quais peças vão fazer sucesso.

Marmitas

Se você gosta de cozinhar, pode começar um pequeno negócio de alimentação.

Crie um cardápio básico com algumas variações, prepare a comida e entregue as marmitas bem quentinhas – já que não precisa perder tempo com transporte.

Seus vizinhos que não têm tempo para cozinhar vão adorar a ideia de saborear uma comida caseira. Se tiver possibilidade, você pode até divulgar seus produtos pelo WhatsApp para aumentar as vendas!

Importante: se optar por este tipo de negócio, pesquise sobre as regras da Vigilância Sanitária e as normas municipais para quem produz e vende alimentos e refeições.

Cosméticos e perfumes

A venda de produtos de beleza e perfumaria tem um bom potencial de lucro e não requer muito espaço.

Você pode fazer parcerias com empresas renomadas do segmento ou conseguir bons fornecedores para revender.

Muitos vizinhos vão se interessar, seja para uso próprio ou como uma opção prática para quando precisarem presentear alguém.

Cuide de crianças

Muitas pessoas precisam sair para trabalhar ou outros compromissos, necessitando de alguém para cuidar de seus filhos.

Nessas horas, pode ser difícil encontrar uma pessoa de confiança.

Por isso, poder contar com alguém que more no mesmo condomínio é uma opção bem interessante.

Doces e salgados sob encomenda

Oferecer tortas, doces e salgados por encomenda é uma ótima alternativa para o que vender em condomínio.

Assim, você pode ser a referência para as festinhas da vizinhança, garantindo agilidade na entrega.

E se você personalizar sua produção com desenhos e mensagens na cobertura para acrescentar mais valor às delícias e aumentar o ticket médio das suas vendas.

Serviços e itens para animais

O mercado dos pets é altamente promissor, e quem tem bichos de estimação está sempre precisando de ração ou algum outro produto.

Além disso, tutores de cães, por exemplo, sabem a importância de passear com os bichinhos, mas nem todos têm tempo para fazer isso.

Você pode aproveitar para acrescentar outros serviços, como banho e tosa, e acessórios para donos de pets.

Serviços de “pet sitter” ou até hotéis para cachorros e outros bichinhos também são rentáveis – e a logística fica muito facilitada se não for preciso sequer sair do próprio condomínio.

Organização de eventos e festas

Em condomínios com salões de festa, nada melhor do que ter alguém que conheça bem o espaço para organizar eventos como aniversários e confraternizações em geral.

É importante saber as regras de uso e de convivência e a capacidade do salão.

Você também pode fazer esse serviço para moradores que queiram fazer eventos nas suas próprias residências, ficando responsável tanto pela contratação de fornecedores quanto pela organização.

Minimercado ou mercearia

Com espaço suficiente, você pode montar uma mini lojinha de conveniências, com produtos básicos de alimentação, higiene e uso doméstico.

Divulgando bem, você certamente vai quebrar o galho de muitos vizinhos que precisam comprar algo – ainda mais se na vizinhança não tiver nenhum mercadinho.

Ah! Neste caso, vale lembrar do valor da conveniência na hora de colocar preço nos produtos. Considere seus também fatores como a taxa da máquina de cartão na precificação.

Fidelize clientes com ótimo atendimento e boas opções de pagamento

Depois que você elaborou seu plano e decidiu o que vender em condomínio, é hora de arregaçar as mangas e trabalhar.

Como você tem um público limitado, saber fidelizar o cliente é muito importante para a sobrevivência do seu negócio.

Por isso, agradecer um cliente pela compra é um aspecto decisivo para que ele volte a entrar em contato.

Lembre-se que você está vendendo comodidade.

Então, nada melhor que diversificar as formas de pagamento.

Assim, mesmo aquele morador que não tenha dinheiro para pagar não vai precisar sair para fazer a compra que precisa.

E falou em meios de pagamento, já sabe: você pode contar com a Cielo!

Nossas maquininhas aceitam tudo: Pix, mais de 80 bandeiras de cartão de crédito e débito, QR Code, pagamento por aproximação, vouchers (cartão alimentação, refeição etc) e até pagamentos em cartões estrangeiros!

E com a nossa parceria, você também pode oferecer recarga de celulares e fazer vendas no WhatsApp, recebendo o pagamento diretamente pelo app de mensagens!

Vem ser Cielo! Receba uma proposta personalizada!


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288