Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Como ser um bom vendedor? Melhore sua técnica com estas dicas e supere as metas!

Você sente insegurança na hora de argumentar com os clientes? Leia abaixo o que você precisa saber para melhorar suas habilidades e vender mais.
Publicado por Equipe Cielo

Empreendedora de loja de roupas sorridente vende para cliente que também está sorrindo.

Saber como ser um bom vendedor é um grande desafio diante de tanta concorrência como temos visto atualmente.

Para se destacar, é importante conhecer bem algumas técnicas e conceitos.

Por isso, preparamos este artigo com algumas técnicas que podem ajudar você a melhorar os seus resultados.

Leia o texto até o fim e aprenda como ser um bom vendedor.

Como ser um bom vendedor? O que é preciso?

Existem algumas técnicas essenciais para que você entenda como ser um bom vendedor.

A partir de agora, vamos mostrar como você pode se destacar na área de Vendas.

Conheça bem seu produto e os diferenciais que ele oferece

É preciso conhecer bem o produto que você está vendendo para ter os melhores argumentos de vendas.

Somente entendendo as formas de uso do item, as vantagens que ele pode garantir e no que ele se diferencia dos demais, você conseguirá convencer o cliente a fazer a compra.

Você pode encontrar no YouTube vídeos de produtos de todos os tipos, com tutoriais de uso e comentários de avaliação.

Além disso, caso venda artigos eletrônicos, pode facilmente conseguir o manual de instruções na internet.

Se você trabalha com vendas na loja física, poderá fazer uma boa demonstração do item se conhecer bem suas funcionalidades.

Entenda muito sobre o setor de atuação e o seu público-alvo

Além de saber tudo sobre seu produto, também é importante conhecer informações relacionadas ao setor que ele pertence e ao seu público-alvo.

Assim, além de entender ainda mais sobre como o item pode ajudar na vida de cada cliente, você pode demonstrar às pessoas que sabe do que está falando.

Ou seja, você mostra ser uma autoridade no assunto e sua opinião será mais respeitada.

Por exemplo: quem vende artigos de beleza pode ter mais credibilidade demonstrando que entende como os compostos químicos agem sobre cada tipo de pele.

Para isso, você pode fazer cursos, ler livros e artigos e procurar vídeos sobre o tema.

Seja honesto e cumpra suas promessas

Às vezes, pode parecer tentador dizer “uma mentirinha” para convencer o cliente.

Mas acredite: isso só prejudica suas vendas, principalmente a longo prazo.

A honestidade é essencial para ganhar a confiança na hora de fazer uma venda.

Imagine que você está vendendo um software para uma empresa e o(a) cliente pergunta sobre uma funcionalidade que não está presente no sistema.

Quem sabe como ser um bom vendedor responde a verdade e, por conhecer bem seu produto e o segmento, oferece uma alternativa para resolver a dor apresentada.

Já o mau vendedor pode prometer algo que a solução não é capaz de cumprir e arranjar dor de cabeça no futuro, já que isso certamente vai prejudicar sua reputação e a da empresa.

Treine para ser um bom ouvinte

Muitos vendedores se preocupam em dar todas as informações possíveis sobre o item e acabam se esquecendo desse detalhe.

Se você quiser encantar o cliente no primeiro atendimento, é importante saber ouvir também.

Afinal, todos nós gostamos de ser ouvidos. Portanto, se você demonstrar atenção ao que o cliente fala, fará com que ele se sinta bem.

Aproveite para usar as informações que você receber na conversa para orientar a venda.

Por exemplo: se estiver vendendo uma máquina para cortar grama, é importante saber informações como o tamanho e o tipo de terreno de quem está comprando para apresentar o melhor produto ou destacar suas vantagens.

A organização é sua parceira

Saber como ser um bom vendedor não significa apenas que você sabe o que dizer para convencer o cliente na hora de apresentar a solução.

É claro que isso é importante, mas a organização também.

Afinal, é preciso estar sempre atento a metas, prazos e respostas de clientes, além de conhecer seus produtos e as tendências do mercado.

Além disso, organize seus contatos listando todas as informações que você tiver sobre eles.

Assim, na hora de conversar com um cliente, você poderá saber a melhor forma de abordagem.

Tudo isso é importante na hora de realizar um planejamento de vendas para elaborar todas as suas estratégias.

Por falar nisso, fizemos um vídeo mostrando cinco passos para planejar suas vendas!

Melhore a sua comunicação constantemente

Vender bem significa se conectar com clientes para entender suas dores e desejos e apresentar a solução adequada da melhor maneira possível.

Falar de maneira clara e direta não é simples e exige bastante prática, pois todos nós temos vícios de linguagem que podem atrapalhar um pouco a transmissão da mensagem.

Por exemplo: falar muitas gírias ou usar demais aquelas expressões como “né”, “pô” … Ou, então, exagerar no uso do verbo “estar” com o verbo principal no gerúndio em frases como “vamos estar fazendo”, “estarei vendo” etc.

Procure identificar esses vícios e pratique bastante para evitá-los, pois sempre há espaço para melhora.

Aprenda técnicas de persuasão

Saber convencer o cliente sobre a importância da solução que você oferece é essencial para ter boas vendas.

Afinal, se você conhece bem o seu produto e é honesto, não há problema em usar gatilhos mentais.

Em outras palavras, gatilhos mentais são ações que podem gerar estímulos capazes de influenciar decisões.

Assim, se você avisa ao cliente que as peças que está oferecendo são as últimas do seu estoque, está usando o gatilho mental da escassez, por exemplo.

Nesse caso, o temor de perder a oferta ou de não ter mais a disponibilidade do produto pode influenciar na decisão da compra.

Invista em um bom follow-up

No contexto das vendas, follow up é o acompanhamento do processo de decisão de um cliente.

Ou seja, se você apresentou um produto a potenciais clientes e essas pessoas ficaram de dar uma resposta, o follow up inclui todas as interações com esses consumidores a partir daí.

Para evitar ser invasivo, planeje bem a frequência das mensagens que for enviar, mas sem deixar o cliente sair do seu radar.

Escolher bons canais de comunicação, como e-mail, SMS e WhatsApp também é importante.

Em caso de venda de produtos de alto valor, como carros ou equipamentos industriais, uma visita pessoal pode ser uma boa ideia.

Resolva os problemas dos seus clientes

Se você entender a dor do cliente e conhecer seu produto, fica bem mais fácil mostrar como sua solução pode resolver o problema em questão.

A questão financeira é uma das principais dores de quem compra e, em geral, todo consumidor busca uma forma de gastar menos dinheiro.

Além disso, muitas pessoas – e empresas – também buscam formas de melhorar a eficiência em seus processos.

Imagine que você está vendendo um painel de energia solar.

Nesse caso, é importante reforçar como sua solução gera economia para sua casa com números concretos, mostrando como o item pode se pagar a médio ou longo prazos.

Acompanhe seus resultados e promova ajustes em suas técnicas

Saber como ser um bom vendedor leva tempo e prática.

Por isso, acompanhar os principais indicadores de vendas é uma forma de saber se você está evoluindo e – principalmente – onde precisa melhorar.

Métricas como o número de vendas e a taxa de conversão podem mostrar se suas técnicas estão funcionando.

Você também pode acompanhar o ticket médio de cada compra para testar sua capacidade de vender mais para uma mesma pessoa.

Já a taxa de retenção e o número de novos clientes podem mostrar como está sua relação com os consumidores.

A importância de aprender como ser um vendedor de sucesso

Se você começar a seguir nossas dicas, vai perceber como ser um bom vendedor tem a ver com a prática.

Afinal, os resultados vão começar a melhorar aos poucos.

Acompanhando bem o seu progresso, fica fácil de entender o que dá certo e o que precisa melhorar.

Para isso, é importante seguir os itens que mostramos acima e se qualificar sempre.

Diante de um mercado concorrido, você deve buscar o progresso, pois quem não busca evoluir acaba ficando para trás.

Por outro lado, se você trabalhar para aperfeiçoar seu desempenho, estará pronto para brilhar quando chegarem as datas que costumam render muitas vendas, como Natal, Páscoa, Dia dos Namorados, Black Friday e outras.

Ofereça uma ótima experiência no pós-vendas e fidelize seus clientes

É importante ter em mente sempre que a venda não termina quando você fecha o negócio.

Portanto, saber como ser um bom vendedor significa acompanhar o cliente mesmo depois que ele estiver convencido a comprar e você já tiver fechado a venda.

Pequenas atitudes como agradecer um cliente pela compra e entrar em contato para saber se ele está satisfeito contam muito para você conquistar credibilidade e fazer novas vendas no futuro.

Iniciativas assim ajudam bastante a fidelizar clientes.

Além disso, o processo de pagamento também é um ponto muito sensível em uma venda.

Afinal, é preciso garantir que o cliente poderá pagar da forma como pode – e, principalmente, como prefere.

Por isso, é essencial contar com meios de pagamento seguros, eficientes e que disponibilizem diversas formas de pagamento, além dos cartões de débito e crédito, tais como Pix, carteiras digitais, QR Code, pagamento por aproximação etc.

Para isso, você pode contar com a parceira da Cielo!

Além das melhores maquininhas de cartão para as compras presenciais, oferecemos também as melhores soluções para você vender muito no e-commerce, usando links de pagamento ou até fazendo vendas diretamente no WhatsApp!

Receba uma oferta personalizada!


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288