Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Como fazer um plano de negócios? Aprenda com nosso passo a passo

Organizar ideias, planos e metas garante mais segurança para a sua empresa. Por isso, leia nossas dicas práticas abaixo e faça o seu plano de negócios.
Publicado por Equipe Cielo

Este documento serve para organizar ideias, processos e metas e pode garantir mais segurança para a sua empresa. Por isso, aprenda como fazer um plano de negócios e tenha este material que é tão importante na administração.

Abrir uma empresa é o sonho de muita gente. Os motivos para isso são os mais variados: realizar um sonho, ter mais autonomia, buscar desafios novos ou até fugir do desemprego.

Uma história de sucesso começa no papel. Planejar antes de se lançar nos sonhos de montar a própria empresa é muito importante, mas cumprir essa tarefa sem um plano de negócios pode frustrar seus objetivos, mesmo sem abrir as portas do seu empreendimento.

E você? Também tem vontade de empreender e começar sua própria empresa? Se quer abrir um negócio e precisa de algumas dicas para fazer isso, continue a leitura!

Invista em planejamento

Começar um negócio exige muita dedicação e trabalho. Mas isso não é suficiente para garantir o sucesso de um empreendimento. É fundamental fazer um planejamento detalhado e avaliar se sua ideia é realmente viável.

Para isso, é importante que você invista um tempinho e aprenda a montar um plano de negócio, que nada mais é que um documento que descreve os objetivos de uma empresa e os passos necessários para que eles sejam alcançados.

Nele, você vai detalhar aspectos como o mercado e seus concorrentes, os pontos fortes e fracos do seu negócio, que produtos e serviços vai oferecer e o perfil dos clientes que quer atingir. Preparado para aprender passo a passo?

Veja também: O que é inteligência de negócios?

Descubra como fazer um plano de negócios

Além de funcionar como uma bússola ou um mapa para que você não se perca no dia a dia corrido da gestão da sua empresa, essa ferramenta também ajuda seus sócios, colaboradores e investidores a conhecerem seu empreendimento de forma clara e detalhada.

 

Para ajudá-lo, criamos um passo a passo básico de como fazer um plano de negócios para abrir uma empresa. Confira as dicas a seguir!

1. Responda às perguntas iniciais para começar as estratégias do seu negócio

A primeira dica sobre como fazer um plano de negócios é entender qual é a ideia da sua empresa e quanto você tem disponível para investir nela.

Nesta listagem, você e sua equipe deverão resumir os aspectos e conceitos iniciais. Para facilitar o processo, responda às perguntas abaixo:

  • o que é a empresa? (Breve descrição do negócio);
  • qual é o perfil de seu(s) dono(s)?;
  • qual é a forma jurídica da organização? (Firma individual, sociedade civil etc);
  • qual é a documentação necessária para as licenças de funcionamento?;
  • o que diferencia sua empresa da concorrência? (Tanto os pontos fortes quanto os pontos fracos);
  • o que será vendido?;
  • quem são seus clientes/público-alvo?;
  • qual será o valor do investimento?;
  • onde será sua empresa? (Descrição do local onde será montado o negócio).

Para auxiliar a responder a essas questões, o apoio de um especialista de contabilidade e um escritório jurídico são recomendados. Com a ajuda deles, você poderá incluir um resumo mais completo.

Insira dados como os indicadores financeiros próprios do negócio que deseja abrir (margem de contribuição, índice de liquidez, entre outros), além do enquadramento tributário da empresa.

2. Analise os hábitos do público-alvo e da concorrência

Após responder às perguntas acima, você pode começar a complementar e se aprofundar em cada um dos pontos do seu documento.

Ao aprender como fazer um plano de negócios, saiba que é nesta etapa que você entende como se posicionar diante da concorrência e que valores vai passar para os seus clientes.

Aproveite para analisar os hábitos e comportamentos do público-alvo, para pensar em estratégias de marketing que mostrem os diferenciais dos seus serviços e produtos. Uma ótima forma de pesquisar isso é entregar formulários ou panfletos para potenciais clientes.

Ao estudar a concorrência, veja que ações de marketing já foram feitas por negócios parecidos com o seu e procure saber se tiveram retorno positivo ou não. Entenda a fundo o que pode trazer de novo para o mercado.

3. Defina os processos operacionais

Continuando em nossas explicações sobre plano de negócios passo a passo, você deve estruturar as operações da sua empresa.

Liste quais serão seus possíveis fornecedores, quantos funcionários irá empregar, quais equipamentos terão que ser obtidos, entre outros fatores importantes para fazer sua estrutura funcionar.

Pense também em como irá adequar essa logística ao local onde pretende se estabelecer. Essa etapa terá muitas idas e vindas, mas você precisa se dedicar a ela, que pode ser a diferença entre o lucro e o prejuízo.

4. Faça estimativas e contas para o plano financeiro

Nesse passo a passo de como fazer um plano de negócios para abrir uma empresa, caso você ainda não tenha aberto as portas, terá que preparar o seu documento com estimativas.

Esses números devem guiá-lo no projeto operacional, tendo em mente como se relacionam aos recursos e investimentos que estão disponíveis. Nesta conta devem entrar: a estrutura que vai precisar comprar, os fornecedores ou distribuidores que terá de pagar e os tributos aplicados ao seu tipo de empresa.

Depois de obter os custos operacionais, você terá mais clareza e assertividade para também estimar a precificação de seus produtos e serviços. Além do mais importante: o lucro a ser obtido e a finalidade dele.

Pode ser que em um primeiro momento, você já tenha que repassar uma porcentagem desse lucro para seus investidores ou mesmo reinvesti-lo na compra de mais insumos ou equipamentos, contratação de funcionários para fazer o seu negócio crescer.

É possível também que, nessa etapa, você descubra que sua ideia não é financeiramente viável ou que ajustes básicos devem ser feitos. Nesse caso, retomar o plano desde seu início é uma boa maneira para evitar desperdício em seu investimento.

O plano de negócios é essencial para fundar um tipo de empresa lucrativa e pode ajudar a economizar muito dinheiro .

5. Prepare um cronograma de implementação

Caso sinta segurança de que seu projeto seja viável, antes de saber como apresentar um plano de negócios, chegou a hora de definir os prazos para que tudo seja implementado.

Para você que está aprendendo o plano de negócios passo a passo, saiba de antemão que esta etapa é importante para que se estabeleça metas e evite a procrastinação das decisões em torno da sua empresa.

É fundamental ressaltar que um bom cronograma de implementação de um plano de negócios deve prever os prazos que estão planejados para liberação de funcionamento, tempo de produção e comercialização dos produtos e serviços, além do retorno dos investimentos e obtenção de lucros.

6. Compile todos esses dados em um documento de apresentação

O último passo para você que precisa aprender como fazer um plano de negócios é montar uma apresentação de todos os dados coletados acima.

Você pode optar fazer essa apresentação pelo Power Point ou pelo Canvas com as cores da empresa. Essas duas ferramentas apresentam modelos prontos onde é possível apenas preencher com os dados coletados. Depois de concluído, esse documento poderá ser salvo em PDF.

Essa apresentação irá registrar seu plano de negócios de forma profissional e organizada, permitindo que seus sócios, colaboradores e investidores possam consultá-lo, inclusive de forma virtual, ou mesmo em papel. Caso prefiram, é só imprimir.

Planejar seu negócio vai muito além de ter um documento!

Sim, se você seguir todos os passos acima, saberá como fazer um plano de negócios de sucesso. Contudo, não adianta ter o documento perfeito em mãos se não seguir algumas dicas muito importantes.

1. Garanta presença no mundo digital

Mais do que nunca, é essencial que seu negócio esteja presente no mundo digital. Estar na internet é importante para divulgar a sua empresa e também para alcançar um número maior de pessoas.

Então, ao montar um negócio, será necessário criar seu próprio site e ter uma loja virtual onde você possa vender seus produtos e serviços na internet. Considere também utilizar as redes sociais para aumentar seu poder de comunicação e ganhar mais espaço online. Como já diz o ditado: “quem não é visto, não é lembrado”.

Lembre-se que durante as etapas sobre como fazer um plano de negócios já chegamos a falar sobre a parte de estimativas e cronogramas, não é? Logo, estabeleça um prazo para cumprir esta fase.

2. Trabalhe com o que você curte

Como dissemos no começo do texto, há muitas razões para alguém ter vontade de abrir uma empresa. E na hora de escolher em que área vai empreender, considere oferecer um produto ou serviço que você curta muito.

É claro que fatores como retorno financeiro e demanda de mercado devem ser levados em conta. Mas não se esqueça do quanto é importante ter alegria no que faz.

Por mais que você aprenda a montar um plano de negócio, ter prazer no dia a dia de trabalho é o que vai fazer diferença quando precisar gastar aquela dose extra de energia para cumprir um prazo apertado ou caprichar mais para se diferenciar da concorrência.

3. Conheça bem seu ramo de atividade

Ao explicar como fazer um plano de negócios, essa dica aqui tem relação direta com o que falamos acima. Afinal, quando gostamos de alguma coisa, é natural que a gente busque mais informações sobre ela e queira saber tudo sobre o assunto, né?

Nos negócios, essa lógica pode ser um fator a mais para ajudar sua empresa a dar certo. Afinal, quanto mais você souber sobre o segmento em que atua, mais fácil conseguirá identificar oportunidades de inovar, de variar produtos e serviços e de expandir suas atividades.

Conhecer bem o seu ramo de atividade é meio caminho andado para o sucesso.

4. Mantenha as finanças em dia

O bom empreendedor sabe que não adianta apenas ler como fazer um plano de negócios perfeito. Ele deve manter suas finanças em dia. Então, ao começar um novo empreendimento, planeje bem os investimentos necessários para a empreitada.

Para isso, você deve prestar atenção não só os gastos pré-operacionais para abrir sua empresa, mas também ficar de olho nos custos fixos (aqueles que vai gastar independente de quanto arrecade a cada mês) e no capital de giro (que é a diferença entre o que sua organização tem em caixa e a soma de todas as despesas e contas a pagar do seu negócio).

Além disso, busque soluções de pagamento adequadas ao perfil dos seus clientes. Facilitar o recebimento e o parcelamento, por exemplo, podem fazer a diferença entre fechar ou não uma venda – e, consequentemente, arrecadar mais.

Para isso, você pode contar com ajuda das maquininhas de cartão da Cielo e de muitas soluções de pagamento, cada uma feita para um tipo de negócio!

5. Evite dívidas

Por fim, temos uma dica que vale para todo mundo que quer abrir o próprio negócio: evite fazer grandes dívidas.

Fique atento para não se endividar em qualquer época, mas, principalmente, nos dois primeiros anos da sua empresa. Alguns dados de mercado indicam que esse período costuma ser decisivo para saber se um negócio irá ou não seguir adiante.

Tenha em mente que vale mais abrir uma empresa simples, mas que seja economicamente viável, do que começar um negócio que demande um volume maior de investimentos.

Mantenha o foco nas suas possibilidades e no que realmente é essencial para tirar sua ideia do papel. Para ir longe, nada de dar um passo maior do que a perna! 😉

E aí, gostou das nossas dicas? Agora que você já sabe como fazer um plano de negócios, veja também como ter uma máquina de cartão pode ajudar o seu negócio a vender mais.

 

Fique sempre ligado no Blog Cielo para ter acesso a mais conteúdos assim!


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288