Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Plano de Marketing: entenda o que é, etapas e como elaborar o seu

Quer saber como fazer um plano de marketing? Entenda o objetivo, por que é necessário, tipos, passos e como colocar em prática.
Publicado por Equipe Cielo

Várias folhas impressas com gráficos e textos, sobre uma mesa, representando um plano de marketing.

Saber como fazer um plano de marketing é essencial para negócios de qualquer porte.

Afinal, ações como divulgar um produto na internet ou aumentar o reconhecimento da sua marca precisam ser definidas com base em muitos fatores.

Neste texto, você vai entender por que esse planejamento é tão importante para seu negócio e aprender passo a passo como ele pode ser elaborado.

Acompanhe e aprenda como fazer um plano de marketing!

Por que você precisa saber como fazer um plano de marketing?

Saber como fazer um plano de marketing é necessário para definir o comportamento de uma empresa no mercado.

O plano de marketing vale para empresas de todos os tipos e tamanhos, desde grandes conglomerados até microempreendedores que decidem vender em condomínio para ganhar dinheiro.

Para que essa importância fique clara, é necessário entender os conceitos.

O que é um plano de marketing?

Plano de marketing é um documento contendo orientações para todas as ações de divulgação de produtos ou serviços e fortalecimento da marca de uma empresa.

Esse documento deve ser criado a partir de um planejamento incluindo diversas informações sobre a empresa e o cenário que a cerca.

Os principais aspectos que embasam um plano são:

  • A situação da empresa
  • As características dos consumidores
  • O posicionamento da concorrência.

Qual é o objetivo de um plano de marketing?

O objetivo de um plano de marketing é guiar todas as ações de divulgação de uma empresa.

O documento ajuda uma empresa de várias formas:

  • Conhecer o seu público-alvo
  • Atrair novos clientes e fidelizar os antigos
  • Padronizar suas ações de divulgação
  • Fortalecer sua marca
  • Aproveitar oportunidades de crescimento.

Quais os tipos de plano de marketing?

Para aprender como fazer um plano de marketing, é preciso saber as diferenças entre os três tipos.

Confira abaixo.

1. Plano de marketing estratégico

O plano de marketing estratégico é aquele que abrange todos os níveis da empresa.

O documento se baseia em uma visão completa do negócio, com a definição de todas as iniciativas e alocação de recursos.

Por isso, costuma ser elaborado com a participação dos proprietários e do conselho de gestão.

Em geral, o plano começa a ser preparado entre setembro e outubro, para ser testado, aprimorado e finalizado a tempo de ser usado no ano seguinte.

Porém, o plano estratégico pode ter um prazo ainda mais longo, valendo por cinco a 10 anos.

2. Plano de marketing tático

O plano de marketing tático é criado para detalhar cada estratégia a ser implementada, como um desdobramento do plano anterior.

Vamos tomar como exemplo um planejamento de marketing para barbearia.

Conforme o plano estratégico, a empresa deve criar ações de fidelização para evitar a perda de clientes diante de um cenário de fortalecimento da concorrência.

Nesse caso, é elaborado um plano de marketing tático abordando todas as etapas necessárias para essa iniciativa.

3. Plano de marketing operacional

O plano de marketing operacional trata das ações a serem implementadas na rotina de cada setor ou departamento da empresa.

Aqui, os gestores definem todas as ações necessárias para o cumprimento das metas.

Se seguirmos o exemplo da barbearia, um plano de marketing operacional poderia listar os passos necessários para a criação de um cartão fidelidade, ou seja, qual for a ação a ser implementada.

Nesse caso, o plano operacional faria o detalhamento de uma das etapas previstas no plano de marketing tático.

Quais são as etapas do plano de marketing?

Saber como fazer um plano de marketing inclui três etapas principais.

Conheça agora cada uma delas.

1. Planejamento

O planejamento começa a partir da reunião da equipe para debater ideias, com a documentação de todas as sugestões.

Essa etapa também inclui apresentações de relatórios com dados sobre a situação da empresa e seu posicionamento no mercado.

A ideia é definir estratégias adequadas ao cenário, metas que possam ser atingidas e meios de mensurar os resultados.

Por exemplo, a elaboração de um planejamento para divulgar comida no Instagram deve incluir aspectos como:

  • Orçamento para produção de fotos e vídeos
  • Pratos favoritos do público
  • Quem são os concorrentes e como eles divulgam seus pratos
  • Metas de engajamento e conversão e indicadores para analisar o desempenho
  • Cronograma de ações.

2. Implementação

A implementação é o momento de colocar em prática o que foi planejado.

Nessa hora, é preciso seguir o cronograma e todas as diretrizes estabelecidas, para garantir o resultado conforme o planejamento e o cumprimento dos prazos e metas.

Em algumas situações, pode ser preciso realizar alguma mudança durante essa etapa.

Para isso, é preciso identificar o motivo da necessidade e buscar as soluções.

3. Avaliação

Embora seja listada como a última etapa do plano de marketing, a avaliação precisa ser realizada ao longo de todo o processo.

Por isso, é importante definir metas e indicadores que ajudem a medir esses resultados.

Como fazer um plano de marketing?

A partir dessas definições, fica mais fácil saber como fazer um plano de marketing.

Confira abaixo cada etapa.

Diagnóstico

A análise da situação da empresa é uma das bases das tomadas de decisão.

Para isso, precisam ser analisados diversos fatores, como:

  • Estrutura do negócio
  • Número de funcionários
  • Volume de vendas e de faturamento
  • Posicionamento atual no mercado.

Além de simplesmente observar números, é preciso comparar com outros períodos para analisar tendências.

Uma ferramenta interessante para o diagnóstico é a análise SWOT, que serve para identificar quatro fatores:

  • Forças (strenghts)
  • Fraquezas (weaknesses)
  • Oportunidades (opportunities)
  • Ameaças (threats).

Essas informações ajudam na elaboração de um plano viável que possa melhorar os resultados do negócio.

Faça uma pesquisa de mercado

Além de analisar a situação da empresa, é preciso coletar também as informações que a cercam.

Isso inclui características do público, concorrentes, tendências de mercado e qualquer outro fator que possa influenciar positivamente ou negativamente no negócio.

Por exemplo: no planejamento de uma pizzaria delivery, não podem faltar:

  • Características da área de entrega e dos moradores
  • Mapeamento da concorrência
  • Tendências do mercado
  • Levantamento de preços de ingredientes
  • Canais de marketing eficientes
  • Regulamentações locais.

Defina as personas

A pesquisa de mercado permite coletar dados de clientes, e nesse passo vamos mostrar o melhor uso para eles.

Personas são personagens semifictícios – ou seja, embora não existam, são baseadas em informações sobre pessoas existentes.

Construa esses personagens a partir de dados como faixa etária, renda e profissão, e também as dores e motivações dos clientes para buscar sua solução.

Desta forma, é possível definir estratégias de marketing direcionado, com foco em grupos específicos de clientes.

Estabeleça um cronograma

Determine as datas limite para o cumprimento de cada etapa do seu plano de marketing.

Para isso, na hora do planejamento, é preciso realizar uma estimativa para cada tarefa.

Além de ajudar a gerenciar o tempo das suas equipes, o cronograma pode ajudar você a se preparar para datas sazonais, como Black Friday e Cyber Monday.

Defina objetivos

Os objetivos de uma ação de marketing podem variar entre aumentar o reconhecimento da marca, educar os clientes sobre suas soluções ou aumentar as vendas.

O detalhamento deles é importante para guiar suas ações.

Uma maneira eficiente de se fazer isso é adotando o método SMART, que determina que as metas sejam:

  • Específicas (specific): claras e bem definidas
  • Mensurável (measurable): medidas por índices e métricas
  • Alcançável (achievable): viáveis para o negócio
  • Relevante (relevant): contribuam com o sucesso do empreendimento
  • Temporal (time-bound): tenham prazos determinados.

Escolha os KPIs

A sigla KPI representa Key Performance Indicator, que significa Indicador Chave de Desempenho.

São métricas necessárias para que você possa mensurar os seus resultados, portanto você vai precisar delas para saber se atingiu suas metas.

Um dos principais KPIs é o Retorno Sobre Investimento (ROI), ou seja, a relação do valor investido nas ações de divulgação e o retorno que elas proporcionam.

Existem outros KPIs importantes, como:

  • Taxa de conversão
  • Custo de Aquisição de Clientes
  • Índice de Satisfação do Cliente
  • Ticket médio.

Além de avaliar a efetividade das suas ações, essas etapas também podem ajudar com outras iniciativas, como colocar preço nos produtos.

Decida quais são os recursos e orçamento

A análise dos recursos e do orçamento disponível serve para evitar prejuízos nas ações.

Para isso, o orçamento pode ser elaborado de duas formas:

  • Por objetivo: determinar o quanto a empresa vai gastar até que determinada meta seja alcançada
  • Por prazo: definir o valor a ser gasto em determinado período, como uma semana, um mês ou um semestre.

Parte do orçamento pode ser destinada a recursos que possam melhorar a experiência do cliente, como o uso de uma máquina de cartão com tecnologia NFC para cobranças por aproximação, por exemplo.

Como colocar o plano de marketing em prática?

Até aqui, mostramos a você como fazer um plano de marketing.

Depois de seguir todos esses passos, é a hora de colocar em prática tudo o que foi definido.

Revise seu plano, faça uma divisão de responsabilidades com sua equipe e implemente as estratégias dentro dos prazos de acordo com os recursos definidos.

No dia a dia, é importante usar técnicas de venda como gatilhos mentais para melhorar seus resultados.

Além disso, vá acompanhando o seu desempenho a partir das métricas definidas.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre relatórios de vendas para conhecer uma maneira eficiente de monitorar seus resultados e confira 10 ideias de marketing para seu negócio!


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288