Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Como abrir uma loja de calçados

Publicado por Equipe Cielo

Pensa em abrir um comércio e quer ser seu próprio chefe? Esse é o desejo de muitos brasileiros. Entre uma infinidade de possibilidades disponíveis, ser dono de uma loja de calçados sempre surge na cabeça do empreendedor. Afinal de contas, todo mundo precisa de sapatos e os calçados também são objeto de desejo de muita gente, principalmente da mulherada. 

Segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), as indústrias calçadistas produzem 894 milhões de pares de calçados no Brasil e obtêm um faturamento anual de R$ 12,3 bilhões, sendo responsáveis pela geração de mais de 348 mil empregos no país. Considerando todos esses pontos, ensinaremos como abrir uma loja de calçados.

Antes de mais nada, o futuro comerciante de sapatos deve ter conhecimento do mercado e suas rotinas administrativas. Clique para conhecer 8 dicas imperdíveis de como abrir um pequeno negócio.

Investimento

Tenha um plano de negócios bem-estruturado, que faça um levantamento de todos os custos necessários para a instalação e operação do empreendimento.

Leve em conta os custos relacionados à compra ou aluguel do espaço físico, negociações com fornecedores para aquisição de estoque, estrutura interna, decoração do espaço, embalagens e equipamentos, além dos custos necessários para a contratação de sua equipe e taxas de regularização do negócio com a prefeitura e custos referentes à água, luz e telefone.

Clique e saiba como abrir um negócio com pouco dinheiro. 

Feito isso, vamos aos próximos passos.

Tipos de lojas de calçados

O futuro empreendedor deve ainda decidir se a loja vai comercializar produtos de diversas marcas ou de uma só.

  • Franqueada: loja que negocia somente os modelos fabricados pela marca representada.

  • Multimarcas: o mais comum dos tipos de loja, em que se trabalha simultaneamente com vários fornecedores e modelos de calçados.

  • Lojas de fábrica: para quem quer vender o próprio calçado e, por isso, conta com preços competitivos.

Ele também pode optar por criar a própria marca, o que implica na produção dos calçados a serem comercializados.

Público-alvo 

Se o público da sua loja de calçados for composto pelas classes C e D, exponha os produtos. Isso atrai a clientela.

No entanto, se a loja focar no público das classes A e B, a sugestão é diminuir a exposição. Deixe em evidência os produtos mais bem-elaborados e caros.

Dica!

Você poderá ainda atuar em nichos específicos como o comércio de calçados esportivos, ortopédicos ou exclusivamente femininos, masculinos ou infantis.

Estrutura da loja de calçados

Para quem vai iniciar o negócio, o ideal é que a loja de calçados seja de aproximadamente 60 m², divididos em uma área para exposição dos produtos comercializados, área de atendimento/vendas, estoque/depósito e administrativa/financeira.

Sugestão para composição de equipe

  • Vendedores

  • Caixa

  • Estoquista

  • Gerente

  • Auxiliar administrativo

 

Equipamentos necessários

  • Balcão

  • Estantes

  • Artigos para escritório (computador, impressora, etc.)

  • Material de escritório (lápis, papéis, canetas, etc.)

  • Prateleiras

Certamente você precisará de soluções de pagamento para aceitar cartões de crédito e débito. A Cielo tem a máquina de cartão ideal para você e o seu negócio. Conheça nosso portfólio de maquineta de cartão e faça o seu negócio acontecer.

E-commerce

O acesso on-line para a compra de produtos e serviços está cada vez mais presente na vida do consumidor. Portanto, é válido considerar montar uma loja de calçados virtual. Em dias de chuva, por exemplo, você poderá vender tanto quanto, ou até mais, do que na loja física. Pense nisso.

Lembre-se!

Lojas de calçados devem ser instaladas em áreas de grande movimentação de pessoas, como galerias, shopping centers ou ruas com grande fluxo de pedestres. 

Apostar em outros produtos pode ser uma boa. Bolsas, carteiras, cintos e meias ajudam a alavancar seu faturamento.

Acompanhe as tendências de cada estação e busque informações em canais do ramo, além de feiras do setor e tenha um bom relacionamento com seus fornecedores. 

O bom atendimento e a oferta de produtos de qualidade, com preços justos e competitivos garantem credibilidade ao estabelecimento.

A vitrine deve ser feita com cuidado e capricho. Evidenciar os produtos mais criativos pode chamar mais a atenção de quem passar pela loja.

Participe e acompanhe todas as operações da empresa. Desde as vendas ao gerenciamento da empresa. 

Que tal começar esse projeto agora? Para isso confira como começar pelo plano de negócios.


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288