Você está em:

Dicas e Histórias de Sucesso

Como montar uma confecção e fazer sucesso no mercado

Publicado por Equipe Cielo

Sempre se empolgou ao montar um simples look de passeio ou até mesmo para ir ao trabalho? Se isso acontece com frequência, talvez você tenha interesse em aprender como montar uma confecção. Neste conteúdo, vamos dar dicas para você iniciar de vez essa jornada e mergulhar no mundo da moda.
Nada melhor do que trabalhar com o que gosta, não acha? E se essa paixão virar negócio, melhor ainda.
Antes de tudo, vamos começar do mais básico.
 

O que é uma confecção?

Confecção é a fabricação de algo que envolva tecidos. As possibilidades vão desde cortinas até roupas, independentemente do volume de produção.
Normalmente, confecções são as responsáveis por abastecer o estoque de outras lojas. Porém é comum encontrar as que possuem seu próprio estabelecimento de vendas para o consumidor final.
 

Como abrir uma confecção: estudo de mercado é essencial

Como qualquer iniciativa de empreender, antes de fazer investimentos você deve desenvolver um estudo completo do mercado que pretende atuar.
Segundo informações da Abit (Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção), em 2018 o faturamento da cadeia têxtil e de confecção chegou a US$ 48,3 bilhões, contra U$ 52,2 bilhões em 2017.
A produção média de confecção em 2018, ainda de acordo com a Abit, foi de U$ 8,9 milhões de peças, contra 8,9 bilhões no ano de 2017.
Esses números por si só mostram o tamanho da importância desse mercado no Brasil. Tê-los em mente é muito importante para traçar as estratégias do seu negócio.
 

De olho na concorrência

Durante o seu estudo, não esqueça de analisar detalhadamente todos os possíveis concorrentes. Lembre-se: a análise deve englobar tanto o ambiente físico como o digital.
Para isso, vá até o estabelecimento e faça anotações.
Como os produtos são expostos? Quais os preços? Como é o atendimento? As respostas dessas perguntas certamente ajudarão você a tomar melhores decisões para a sua empresa.
Você pode fazer o mesmo com as redes sociais, por exemplo. Como são as publicações? Eles respondem os comentários? Qual a linguagem adotada para se comunicar com o público-alvo? Essas respostas também serão importantes para a inserção da sua empresa no digital.
 

Defina um público-alvo

Inicialmente, acreditamos o que ideal é trabalhar com em apenas um ou dois públicos. Para um novo negócio, ter um foco é importante para começar a sentir o mercado e ver como será a experiência.
Quer trabalhar apenas com o público feminino? Ou com o masculino? Essas são formas de segmentar suas ações e não correr o risco de abraçar mais grupos do que o ideal. Afinal, você está no início da jornada e o excesso de demanda também pode virar um problema.
Com o tempo, analise a possibilidade de ampliar o público-alvo.
Leia mais: Como montar um negócio com 5 mil reais
 

Criação da marca

Após definir um público-alvo, estudar o mercado e os concorrentes, você deve focar os esforços na criação da marca.
Quando falamos em criação de marca, nos referimos desde a criação de um logotipo e nome até os valores, missão e visão da empresa. Trata-se de elementos que irão se comunicar com o público. Portanto, devem ser construídos com base em quem você pretende atrair para a sua empresa.
Se preferir, existem profissionais que são especializados em criar marcas do zero. Certamente será uma ajuda e tanto, caso opte por esse caminho.
 

Ponto comercial

Agora, chegou o momento de encontrar um ponto comercial perfeito para a sua confecção. E como deve ser esse espaço?
Ter uma boa iluminação e ser arejado é imprescindível. Afinal, as pessoas devem se sentir bem dentro do local de trabalho.
Além disso, ter um estoque que comporte todos os produtos é importante. E não se esqueça: um ambiente tranquilo, que dê para se concentrar melhor nos números, deve ser considerado, pois todo empreendimento, por menor que seja, deve ter um escritório.
Se além do espaço para confecção você precisar de um ambiente para a loja, considere isso antes de tomar a decisão.
Leia mais: As 5 melhores estratégias de marketing para seu empreendimento atrair clientes
 

Experiência de pagamento

Você já deve estar cansado de ouvir isso, mas vamos destacar mesmo assim: estamos na era da experiência. Preocupar-se com toda a jornada de compra do cliente é fundamental, inclusive com a hora do pagamento.
Hoje, por exemplo, poucas pessoas pagam compras com dinheiro físico. Portanto, ter uma máquina de cartão é praticamente um pré-requisito caso seu objetivo seja não perder vendas.
Na Cielo, temos maquininhas para todo tipo de empreendimento, seja ele pequeno, médio ou grande. Com elas, você terá alternativas como QR Code e NFC, mais conhecido como pagamento por aproximação.
Pensando em vender apenas pela internet? É possível aceitar cartão mesmo sem uma máquina. Para isso, indicamos o Cielo Super Link, uma solução de fácil manuseio e que pode ser usada por qualquer empreendedor. Veja como ele funciona em nosso canal no YouTube.
Existem muitos outros produtos da Cielo que podem simplificar não só a vida do nosso parceiro, mas também do consumidor final.
E aí, gostou das dicas? Compartilhe conosco a sua experiência ao tentar aprender como montar uma confecção pequena, média ou grande. Estamos muito curiosos e torcendo para que tudo dê certo 🙂


Portfólio de Soluções! Encontre a que melhor combina com você.

Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo LIO

A máquina inteligente que trabalha por você e economiza seu dinheiro.
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo FLASH

A maquininha ultraveloz para você vender muito mais
Saiba mais
Portfolio de soluções encontre a sua.

Cielo ZIP

Na Cielo Você ganha! sua maquininha de verdade.
Saiba mais

Entre em contato e prepare-se para vender mais:

Central de Relacionamento

4002-5472 (todas as localidades)
0800-579-8472 (exceto capitais)

Suporte Técnico

4002-9111 (todas as localidades)
0800-579-0111 (exceto capitais)

Ouvidoria

0800-570-2288